• Wishe

70% dos investimentos em startups da América Latina são concentrados no Brasil

Atualizado: Set 30

O relatório da Sling Hub confirma o Brasil como um importante mercado de startups e com potencial de liderança regional na América Latina.


No mapeamento, 7 entre as 10 startups que mais receberam investimentos são brasileiras e captaram, juntas, mais de US$9 bilhões (representando 64% do total investido nas dez).


E este é um cenário que tem se repetido nos últimos anos:


Em 2019, 45% dos investimentos latino-americanos foram destinado à startups brasileiras. Em 2020, foram 61% e em 2021, 70%.


O nosso ecossistema também mostra a maior concentração de startups por setor de atuação:

  1. Fintechs

  2. Edtechs

  3. Healthtechs

  4. Agritechs

  5. Martechs e Adtechs


Também temos o maior número de unicórnios da região! Hoje, 60% dos unicórnios latino-americanos são brasileiros, 17% são argentinos e 11%, mexicanos.


O mapeamento foi realizado com os 7 países considerados mais representativos: Brasil, México, Chile, Colômbia, Argentina, Peru e Uruguai e com startups que operam nos países citados.


Porém, embora o cenário seja promissor e animador, dados do Female Founders Report, feito por Distrito, B2Mamy e Endeavor, o número de startups fundadas ou lideradas por mulheres no Brasil fica abaixo de 5%, assim como o aporte em startups delas caiu 22% no último ano. Para mudar o cenário, existe a Wishe Capital.


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo