Investir em startups é mais simples do que você imagina

Atualizado: Mar 10

Se você acha que ser investidor(a) anjo está muito longe de ser possível, este texto é para você.


O equity crowdfunding é um mecanismo de investimento online que permite a qualquer pessoa financiar startups e empresas em expansão em troca de participação societária.


A atividade é legal e regulamentada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) - através da Instrução 588 de 2017 - e somente plataformas expressamente autorizadas em portaria podem operar neste mercado, trazendo segurança para as transações.


No crowdfunding tradicional você pode doar dinheiro para uma pessoa, um projeto, uma ONG ou uma empresa e, em troca, mas não necessariamente, receber um produto ou um brinde, conhecidas popularmente como recompensas.

Já no crowdfunding equity você investe e, em troca, recebe participação na empresa e, portanto, o direito de compartilhar os sucessos e lucros futuros da companhia.


Recentemente, a startup PinkFarm levantou R$4,8 milhões em campanha de crowdfunding equity.


A Wishe foca em startups lideradas por mulheres como forma de resolver o enorme gap de gênero e do baixo investimento para elas, porque a falta de investimento em empresas fundadas por mulheres impede que elas inovem, cresçam e se tornem referência em seus mercados.

Diversos estudos comprovam que startups fundadas por mulheres geram mais receita e mais retorno ao investimento e que diversidade de gênero é driver de inovação e performance financeira. E, agora, você pode participar da transformação de mundo que deseja, ao participar de uma empresa inovadora liderada por mulher.


Para ajudar a esclarecer, listamos 3 perguntas frequentes sobre a modalidade de investimento que está ganhando cada vez mais espaço e confiança do mercado.


O crowdfunding equity é somente para investidores profissionais?


Não! Ao contrário do cenário anterior à autorização da CVM para as plataformas de crowdfunding equity, agora qualquer pessoa tem acesso inédito ao investimento em startups, na nossa plataforma, com valores a partir de R$ 1.000,00.


Como serei remunerado como investidor(a)?


É fundamental entender que esse tipo de investimento é muito diferente das

aplicações de renda fixa mais comuns. Isso acontece porque ao invés de receber um pagamento de juros todo mês, o investidor prefere que a empresa reinvista os lucros no próprio crescimento dela.


Com o investimento pelo crowdfunding equity, a meta é vender sua participação após ela ter multiplicado em valor. Se no futuro a empresa for comprada por uma companhia maior ou fizer uma IPO (Primeira Oferta Pública - abertura na bolsa de valores), você conseguirá vender sua parte da empresa, realizando um lucro geralmente medido como um múltiplo do valor investido.


Então, o objetivo passa a ser o de acumular e realizar grandes retornos financeiros no longo prazo.


O que pode dar errado? Quanto eu posso perder?


Justamente pela possibilidade de retorno financeiro consideravelmente alto, o investimento em crowdfunding equity é de alto risco. Ao investir em startups, você corre o risco de perder uma parte ou todo do dinheiro investido e, por isso, é preciso ter pés no chão ao decidir o valor que deseja investir. E o crowdfunding equity é uma excelente oportunidade de investimento.



Conheça e invista em empresas lideradas por mulheres na nossa plataforma.


75 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo